domingo, 6 de junho de 2010

DIÁRIO DE AVALIAÇÃO INFANTIL - CRECHE 0 A 3 ANOS

PELAS MINHAS ANDANÇAS NA NET, DESCOBRI ESTE DOCUMENTO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SALVADOR QUE TRATA DAS ETAPAS DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO INFANTIL, ISTO É, O PASSO A PASSO. ACHEI EXCELENTE E REPASSO.

Diário de Classe Educação Infantil Creche 0 a 3 anos


APRESENTAÇÃO

O Diário de Classe para a etapa da Educação Infantil tem por objetivo sistematizar a ação pedagógica desenvolvida ao longo do ano letivo, possibilitando o registro das observações feitas pelo professor em torno dos avanços e dificuldades apresentadas pelas crianças, no processo de construção do conhecimento.

Este documento constitui-se em fonte permanente de consulta no âmbito da escola, pois através dele é possível obter informações sobre o processo vivenciado por cada criança, transformando-se, assim, num valioso instrumento que subsidia as intervenções pedagógicas por parte dos professores, bem como orienta os pais no acompanhamento da aprendizagem das crianças.

Para que o Diário de Classe cumpra com o seu objetivo ele deverá ser atualizado cotidianamente e, os registros realizados tomarão por base as habilidades definidas pela SMEC para esta etapa da Educação Básica. Ressalta-se que as habilidades definidas neste documento fundamentam-se no Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil, e em estudos relacionados ao processo de aprendizagem na Educação Infantil, considerando a faixa etária das crianças avaliadas.

O que se pretende com este documento é auxiliar a tomada de decisões por parte da equipe escolar, de modo a favorecer os processos de desenvolvimento e aprendizagem típicos da faixa etária das crianças que freqüentam a Educação Infantil. Para isso, o Professor deve assinalar apenas as habilidades observadas no período de avaliação no final de cada Unidade Didática correspondente. Dessa forma, é possível selecionar as habilidades que se relacionam com o processo de desenvolvimento das crianças, em cada fase do trabalho realizado.

ORIENTAÇÕES

1. O Diário de Classe é um dos instrumentos de acompanhamento e registro do desempenho dos alunos da Educação Infantil. Além dele, o professor pode utilizar na sua prática cotidiana, outros instrumentos que auxiliem na coleta diária de informações, que retratem o processo vivenciado pelas crianças, tais como: portfólios (coletânea com as produções); caderno de registro das observações realizadas; diários de campo, dentre outros.

2. A avaliação da aprendizagem deve pautar-se nas habilidades definidas para a Educação Infantil, considerando os conteúdos desenvolvidos e a faixa etária das crianças. Ressalta-se que nesta etapa da Educação Básica a Avaliação não tem fins de promoção.

3. A avaliação proposta responde a duas funções importantes: adaptação da intervenção pedagógica às características individuais das crianças, mediante observações sistemáticas freqüentes e determinação do grau de eficácia das intenções previstas no planejamento.

4. As funções da avaliação acima referidas serão alcançadas a partir da:
�� Avaliação inicial: situa o ponto de partida de cada uma das crianças para realizar novas aprendizagens;
�� Avaliação formativa: proporciona a ajuda pedagógica mais adequada em cada momento, adequando o ensino à realidade concreta do grupo. Esta prática traduz-se na observação sistemática do processo de aprendizagem da criança, mediante indicadores ou fichas de observação e registro das informações obtidas.
�� Avaliação cumulativa: possibilita o conhecimento e aferição dos resultados da aprendizagem de cada uma das crianças. A sua finalidade não consiste na valoração quantitativa do êxito ou do fracasso da criança na realização das aprendizagens, mas ao contrário, no grau de êxito ou fracasso do processo educativo em relação às intenções iniciais.

5. O processo de avaliação na Educação Infantil deve contar com a participação da família a parti da explicitação dos critérios de avaliação adotados pelo professor, ou seja, é necessário compartilhar o que se espera da criança em cada fase do processo, bem como os seus resultados.

6. Para cumprir com a sua função, o professor deve manter o Diário de Classe sempre atualizado, sem emendas ou rasuras, e com registros diários, pois este é um documento oficial da escola, que guarda informações do processo educativo das crianças.

7. O registro do desempenho das crianças deve ser realizado através de marcações das habilidades alcançadas e elaboração de pareceres descritivos no inicio do ano letivo e a cada unidade didática, considerando os seguintes âmbitos:
�� Formação pessoal e social da criança – experiências que favorecem, prioritariamente, a construção do sujeito. Trata-se de questões que envolvem o desenvolvimento de capacidades de natureza global e afetiva das crianças, seus esquemas simbólicos de interação com os outros e com o meio, bem como a relação consigo mesmas.
�� Conhecimento de mundo – construção das diferentes linguagens pelas crianças e das relações que estabelecem com os objetos de conhecimento, enfatizando a relação das crianças com alguns aspectos da cultura.

8. O registro da assiduidade das crianças deve ser realizado diariamente, de modo que o professor e o grupo possam acompanhar, a freqüência da criança. É importante que identificada a ausência providências possam ser tomadas para que ela retorne, pois isto cria vínculo da criança com a escola e com o grupo.

ACOMPANHAMENTO DA FREQÜÊNCIA

Aluno (a):
Nº.
Idade:
Data de nascimento: ____/____/____
Matrícula
Transferido em: ____/____/____
Nome da mãe ou Responsável:

Dias meses
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
01
02
03
04
05
06
07
08
09
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Faltas (mês)
Total de faltas no ano letivo:

REGISTRO DO DESEMPENHO DA CRIANÇA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

Aluno (a) : nº.
DIAGNÓSTICO INICIAL
PARECER DESCRITIVO

1ª UNIDADE DIDÁTICA
PARECER DESCRITIVO

2ª UNIDADE DIDÁTICA
PARECER DESCRITIVO

3ª UNIDADE DIDÁTICA
PARECER DESCRITIVO

4ª UNIDADE DIDÁTICA
PARECER DESCRITIV
O


Outros registros (obersavações, informações relevantes sobre a criança)

PARECER DESCRITIVO

REGISTRO DO DESEMPENHO DOS ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS


Professor, desenvolver uma política de inclusão na nossa Rede, significa reconhecer que:
“-As crianças são diferentes entre si, mas não há criança diferente e outras que não o sejam.
- Os objetivos gerais da educação devem ser acessíveis a todas as crianças.
- Cada escola deve respeitar essa diversidade, oferecendo à criança aquilo de que necessita, aquilo que lhe possibilita alcançar seu desenvolvimento integral, no limite das próprias potencialidades.”
Lleixà Arribas, 2004, p.320.

Um comentário:

Anônimo disse...

ESTAVA MESMO PRECISANDO DE UM MDELO COMO ESTE PARA ENRIQUECER O MEU. OBIGADA.
MEU NOME É MÁRCIA TORMI, ORA EM ARAXÁ MG, SOU PROFESSORA ADJNTA EM UMA CRECHE,FICO COM CRIANÇA DE 1º PERIÓDO, COMO A INHA AVALIAÇÃO É MAIS RECREATIVA FICO PROCURANDO ALGO QUE POSSA AUMENTR MEUS CONHECIMENTO.
MEU EMAIL marciamts_51@hotmail.com quando tiver algo que queira passar para mim ficarei grata. abraços